Por pouquinho… mas chegou…

Academica10.jpg

À rasca ou à rasquinha, nesta altura do campeonato o que importa é ganhar sempre e sempre até ao fim do último desafio, o que em si mesmo é um ENORME desafio de risco calculado.

O único tento da partida foi apontado aos 69 minutos, numa cabeçada fulgurante do defesa central da 'briosa', na sequência de um canto apontado, do lado direito, por Nélson Pedroso.

Com este resultado, a malta soma 57 pontos e atinge, condicionalmente, o terceiro lugar do campeonato com os mesmos pontos do Santa Clara, que apenas joga no domingo, na receção ao Famalicão; contudo, a Académica tem um jogo em atraso, com o FC Porto B, que se disputa na próxima quarta-feira.

Apesar das várias oportunidades, a primeira parte terminou com uma igualdade a zero, que penalizava a ineficácia da Académica diante do último classificado da II Liga.

Logo aos quatro minutos, o avançado Tozé Marreco, que foi recuperado pelo novo treinador Quim Machado, falhou a emenda para golo, na sequência de um cruzamento rasteiro de Chiquinho.

A 'briosa' dominou e atacou muito, mas nem sempre bem. Aos 16 minutos quase beneficiava de autogolo, mas o guarda-redes contrário agarrou a bola, depois de um remate de Djoussé na área, que foi desviado pela perna de um defesa.

As oportunidades foram surgindo, mas por ineficácia ou acerto defensivo do Real Massamá o golo não apareceu nos primeiros 45 minutos.

Na segunda parte, o Real Massamá foi mais atrevido e criou alguns problemas à equipa de Quim Machado, que somou a segunda vitória consecutiva no terceiro jogo no comando dos 'estudantes'.

O avançado Carlos Vinicius dispôs de duas boas oportunidades, primeiro aos 62 minutos, num remate dentro de área defendido por Ricardo Ribeiro, e depois aos 64 minutos, numa jogada de contra-ataque em consegue contornar o guarda-redes academista, mas ficando desenquadrado com a baliza.

Aos 68 minutos, a 'briosa' esteve perto do golo, mas o desvio de Djoussé na pequena área foi intercetado para lá da linha final.

Na marcação do canto, Nélson Pedroso cruzou para o segundo poste, onde apareceu João Real a marcar o único golo da partida.

Já nos descontos finais, a Académica poderia ter feito o 2-0, num contra-ataque rápido, mas o lance foi intercetado.

 

Jogo no Estádio EFAPEL

Académica - Real Massamá, 1-0 (Ao intervalo: 0-0.)

Marcador: 1-0, João Real, 69 minutos.

Equipas:

- Académica: Ricardo Ribeiro, Mike, João Real, Brendon, Nélson Pedroso, Dias, Chiquinho, Luisinho (Fernando Alexandre, 89), Balogun, Djoussé (Diogo Ribeiro, 77) e Tozé Marreco (Marinho, 59).

- Real Massamá: Patrick Costinha, Paulinho, Eduardo, Paulo Monteiro, Diogo Coelho, Kikas, Tiago Morgado (Marcos Barbeiro, 88), Cazonatti (Thabo Cele, 82), Jefferson Nem, Leal (Abou Toure, 72) e Carlos Vinicius.

 

Árbitro: Humberto Teixeira (AF Porto). Arbitragem sem problemas de maior

Imagens Sapo e Notícias de Coimbra

 

A-CA-DÉ-MI-CA

ACA-DÉ-MICA

ACADÉMICA

BRIIIOOOOSAAAAAAAAAAAAAAA!....